Anúncios

Fettuccine Alfredo

SONY DSC

SONY DSC

Muita gente já conhece esta receita e vai dizer que é apenas mais um macarrão com molho de queijo, mas é ai que vocês se enganam.

Venho apresentar a todos uma outra versão do Fettuccine Alfredo que em minha opinião, de alguém que já provou o legitimo Alfredo di Roma, é uma versão bem próxima em relação a sabor, aroma, preparo e ingredientes. Vão todos ficar com vontade de ser o ultimo a ser servido e comprar talheres de ouro para degustar este delicioso prato.

Quem ainda não conhece esta receita, sua história e sua tradição devem estar intrigados para saber o que este prato de macarrão tem de tão especial. Vou contar um pouco da história e tradição e espero que depois preparem este prato e preparem-se para se sentirem em Roma.

“O famoso prato foi criado em 1914, quando Alfredo di Lelio fez uma adaptação ao Fettuccine na Manteiga. Que era feito em um procedimento em que ele passava manteiga antes e depois de colocar a massa no prato. A adaptação foi que ele dobrou a quantidade de manteiga que ele passava depois que colocava o Fettuccine na forma/prato. Ele criou esta receita para sua esposa que na época estava doente e a manteiga ajudava na digestão.

O prato ficou famoso quando o casal famoso de Hollywood, Mary Pickford e Douglas Fairbanks, ficaram deliciados com o prato em 1927 e presentearam Alfredo com um garfo e uma colher de ouro e tiraram uma foto no restaurante comendo o prato. Quando foram para Hollywood preparam este prato e foi quando as pessoas começaram a conhecer a receita.

O restaurante de Alfredo foi vendido algumas vezes ao longo dos anos, mas sempre mantiveram a tradicional receita e por fim o restaurante recebeu o nome de Alfredo, hoje você encontra o restaurante em vários países que preparam o famoso prato.”

Fonte Wikipedia

A tradição do restaurante é prepara o prato na frente do cliente, a tigela com o macarrão é posta na frente do cliente e ele acrescenta queijo e manteiga e mistura na sua frente, serve todos os integrantes da mesa e o ultimo fica com o prato maior, que é a tigela que foi preparado o macarrão. Para ocasiões especiais ou clientes famosos eles levam os famosos talheres de ouro para que o cliente deguste o Fettuccine.

É ou não é um macarrão especial?!?! A receita é muito simples e qualquer um pode preparar em casa!

Imagem

Ingredientes:

1 pacote de macarrão Fettuccine

1/2 tablete de manteiga com sal

1 triangulo de queijo tipo Grana

1 concha de sopa da água que cozinhou o macarrão

2 colheres de sopa de sal

Modo de Preparo:

Comesse a preparar o macarrão, coloque a água para ferver e quando estiver borbulhando adicione as colheres de sal e logo em seguida o macarrão. Leia na embalagem do macarrão o tempo de cozimento, cada marca indica um tempo diferente.

Enquanto o macarrão cozinha, rale todo o triangulo de queijo no ralo fino e reserve ao lado, coloque metade do tablete de manteiga em um prato e corte em pedaços para ir derretendo.

Quando o macarrão estiver pronto, tire uma concha de sopa da água do cozimento e reserve.

Coloque no fundo da forma que irá colocar o macarrão um pouco da manteiga e a água quente do cozimento, misture como se fosse untar o fundo da forma. Escorra o macarrão e coloque na forma.

Agora é só acrescentar o restante da manteiga e começar a misturar, aos poucos vai acrescentando o queijo e misturando, se estiver muito seco, acrescente um pouco da água do cozimento ou se achar necessário mais manteiga.

Sirva logo em seguida!!!

O segredo é não deixar o macarrão muito cozido, senão quando for misturar o queijo ele irá partir facilmente.

O sabor que você espera é do queijo com um toque do sal da manteiga. Fica divino e não tem como dar errado.

As medidas que coloquei acima são variáveis de acordo com seu gosto e paladar.

Você pode fazer esta receita para um jantar entre amigos ou uma ocasião especial, um prato fácil, que da para você deixar tudo organizado com antecedência e preparar na hora. E para seus convidados se distraírem enquanto você prepara este prato principal que tal um bom vinho tinto mais suave, com alguns aperitivos e quando o macarrão for servido você pode trocar o vinho tinto suave, por um mais seco e mais encorpado.

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: